Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Paixão

 

A paixão é uma emoção de ampliação quase patológica do amor. O acometido de paixão perde sua individualidade em função do fascínio que o outro exerce sobre ele. É tipicamente um sentimento doloroso e patológico, porque, via de regra, o indivíduo perde a sua individualidade, a sua identidade e o seu poder de raciocínio.
Pode-se dizer também que paixão é algo muito mais passageiro que o amor, pois, sendo uma patologia deste, com o passar do tempo e sendo rompido o véu da idealização do outro, cai-se na realidade, tranformando-se a paixão em amor, ou nada restando do sentimento afetivo. Estudos de psicologia dos sentimentos indicam que o estado de paixão muito dificilmente ultrapassa os três anos.
O sentimento exacerbado entre duas pessoas, é um exemplo de uma paixão. A paixão pode ultrapassar barreiras sociais, diferenças de formação, idades e géneros. A paixão completamente correspondida causa grandiosa felicidade e satisfação ao apaixonado, pelo contrário qualquer dificuldade para antigir essa plenitude pode trazer grande tristeza pois o apaixonado só se vê feliz ao conseguir o objeto de sua paixão.
Existem pesquisas científicas nesse âmbito, que mostram que a paixão, apesar de intensa e arrebatadora, é um sentimento passageiro. Estima-se que a mesma não dure por mais de quatro anos. Adolescentes estão mais sujeitos a apaixonarem-se, devido ao pouco conhecimento de mundo entre outras coisas, o que não significa que pessoas de maior idade não estejam passíveis de tal sentimento. O que ocorre é que a pessoa adulta, por ter maior conhecimento de mundo, por ter vivenciado maiores experiências, não estará tão sujeita a perder a razão e deixar-se dominar pelo peso do sentimento.
A Paixão se resume em um sentimento de desejar, querer, a todo custo o calor do corpo de outro ser. Se cria uma necessidade de ver e tocar a pessoa por qual se apaixonou. É um vício que debilita a mente de forma a focar somente para a pessoa cujo seu pensamento está. E qualquer outro pensamento é momentâneo e irrelevante para o apaixonado.
 
A paixão é pura arte! Assim como contemplamos um quadro - queremos vê-lo. Quando contemplamos uma obra artistica plástica - queremos tocá-la. É uma dança de sombra e cores que percorre pela beleza da pessoa que está formada no seu subconsciente. Você é envenenado com uma espécie de sedante que leva a voce todo detalhe da pessoa: olhos, boca, nariz, orelha, como sendo perfeito. Mesmo embora não seja, pois você está sedado. A Paixão embora seja mais ativa e romântica do que o proprio amor, nao significa que é melhor a este. A paixão é um encanto passageiro, enquanto o amor é algo que se solidifica com o tempo (será!?), e nunca mais pode ser quebrado. Já a paixão, não há como se solidificar, eternizar.
 

publicado por Fecho Aberto às 11:32
link do post | deixa o teu comentário | adicionar favoritos
|
10 comentários:
De o_silencio a 2 de Outubro de 2008 às 11:54
Ler este texto alertou-me para dois factos:

1º Estou doente!!!!!!!!!!!!!!

2º Tenho uma "doença" que corre o risco de durar 3 anos!!!!!!!!!!!!!!!!

Ok, o meu comentário.......mas faz tão bem á pele.

Beijos...........meus


De Fecho Aberto a 2 de Outubro de 2008 às 22:11
ler o teu comentário alertou-me para dois factos:
1º Eu quero ser o teu enfermeiro privado!
2º Eu quero tomar conta de ti pelo menos durante esses 3 anos!
Ok, o meu comentário... é que eu adoro a tua pele e a "febre" que ela liberta do teu corpo...

beijo meu e teu embrulhados em mel


De vita a 2 de Outubro de 2008 às 17:11
A paixão é um estado de tesão,encantamento, e quimica, é realmente passageiro, mas sabendo vivê-la é do melhor.;)

Beijo nino


De Fecho Aberto a 2 de Outubro de 2008 às 23:21
obrigado vita pela tua viagem à nossa paixão, aqui vivida para que os nossos amigos a "partilhem"

beijo doce


De Deus ex Machina a 2 de Outubro de 2008 às 20:05
Desta vez concordo.

Mas…

…e quando existe tudo isto sem a presença ser imperativa?
…e quando existe tudo isto sem a perda da individualidade?
E quando tudo o que queremos é dar-nos a conhecer profundamente, e conhecer o outro em todos os aspectos, na totalidade, sem o fazer nosso, alterar ou modificar de alguma forma?

Sugestão de leitura:
Robert A. Heinlein – “Um estranho numa terra estranha”

Porque é possível grocar a plenitude


De Fecho Aberto a 2 de Outubro de 2008 às 23:23
obrigado deus por mais uma visita e mais um comentário para a plenitude

espero que desperte o debate

um abraço


De Maria P. a 3 de Outubro de 2008 às 13:32
Boas
Passei por aqui e adorei o que li, pois também sou uma apaixonada.
Vou passar por aqui para te ir lendo.....
Eu comecei a minha vida de bloguista anteontem e tem sido interessante, se quiseres visita-me.....
http://doidaporti.blogs.sapo.pt/


De Fecho Aberto a 4 de Outubro de 2008 às 19:56
Obrigado pela tua visita doida, adorei porque finalmente tenho a visita de uma doida assumida e ainda por cima uma bloguista jovem.
Minha amiga esta "sala" está sempre aberta, aparece quando quiseres, às horas que preferires, senta-te e diz o quiseres.
Beijo doce


De CamaReira a 5 de Outubro de 2008 às 12:11
São 3 anos, mas são intensos. É a felicidade mais pura a adrenalina a correr incandescente pelas veias, qual lava de vulcão em erupção. É o melhor estado do que o ser humano pode viver.
Acaba? Tudo acaba um dia, Nada é para sempre.
Para sempre é tempo demais.

Beijos Ardentes


De Fecho Aberto a 6 de Outubro de 2008 às 22:04
Ok, Camareira, são!

Beijo intensamente doce


Comentar post

#Calendário

#obrigado pela visitinha

Web Counter
Free Counter

#Prémio

#últimos

# até logo

# por todo o lado

# Piscina à noite

# biblioteca aberta

# Casal pistoleiro

# Formação

# Verdade ou Desafio

# Sinais teus são as minhas...

# Soumission

# Sweet kiss

# Sweet kiss

# Relax...it's just sex!

# saudade do teu beijo doce

# Beijo Doce

# Quero agora

# Parabéns minha Fada!

# Jogo para iniciados

# Kissing

# vamos fazer um anúncio?

# Anda, dança para mim...

# minha...

# fim de semana divinal

# Nossos momentos

# Lua cheia

# 3 faces da LUA

# Procuro-te

# Tão pouco do lado de cá.....

# Closer, baby

# Hei, lets go to start

# Passion

# lábios dormentes de sauda...

# o tempo aquece, a saudade...

# A que horas nos encontram...

# Vamos brincar

# Erotika

# Deixa-me enrolar a minha ...

# Delírios

# faltam-me os teus...

# You are not alone

# O som do meu silêncio

# penso em ti e acompanho-t...

# Morde-me

# Simples milagre

# Ao fim do "teu" mundo

# Besame mucho

# Sweet Kisses

# Libertação, preciso

# Beijo louco

# Os 30 beijos do Kama Sutr...

# I hope you don't mind

#links

#tags

# todas as tags

#eu

#pesquisar aqui